Saiba como realizar os primeiros socorros para os animais


Assim como nós, os animais de estimação também passam por momentos em que os primeiros socorros são cruciais e devem ser feitos rapidamente para evitar problemas maiores. É por isso que saber prestar um atendimento de emergência é essencial para salvar a vida do seu bichinho em casos de necessidade. Você sabe o que e como fazer em situações onde seu pet precisa da sua ajuda?


Para te auxiliar, separamos algumas situações em que o seu atendimento será muito importante para a vida do seu amiguinho antes de leva-lo ao veterinário:


· Verifique se há algum objeto estranho na boca do seu pet que esteja atrapalhando a respiração. Se tiver, tente retirar o objeto tomando cuidado para que ele não entre mais para o fundo da garganta. Caso isso aconteça, procure um veterinário o mais rápido possível.


· Se o animal der sinais de desmaio ou perder momentaneamente os sentidos, coloque suas duas mãos na parte lateral da caixa torácica e aplique pressão de forma rápida. A intenção é pressionar o pulmão e fazer com que o objeto saia.


· Em casos de estado de choque, mantenha seu pet calmo e sem se mover; caso ele esteja inconsciente, procure mantê-lo com a cabeça nivelada com o restante do corpo.


· Se você perceber que não há batimentos cardíacos, pressione o lado direito do peito, o lado do coração. O correto é colocar uma mão debaixo do peito do animal e a outra sobre o coração, pressionando para baixo de 80 a 120 vezes por minuto em animais de grande porte e de 100 a 150 vezes por minuto em animais de pequeno porte. Repita os movimentos até que as batidas do coração e a respiração voltem.


· Se houver algum sangramento externo, faça um curativo para parar a hemorragia. Caso seja no focinho, pressione a ferida com uma gaze limpa e mantenha a pressão sobre a região até que o sangue coagule. Isso pode durar vários minutos, portanto, mantenha a pressão por, no mínimo, três minutos.


· Caso o sangramento seja nas patas e esteja bastante intenso, faça um torniquete utilizando um elástico ou gaze entre a ferida e o corpo. Pressione a ferida e faça um curativo. Essa ação é bastante importante, porque uma hemorragia grave pode levar o animal à morte. Portanto, assim que realizar o curativo, procure um médico veterinário.


· Se ocorrer um sangramento interno, os sintomas serão de sangramento pela boca, nariz, ânus, sangue na urina, gengivas pálidas, desmaio e pulso acelerado. Nesse caso, é importante manter o seu animal calmo até a chegada ao veterinário.


Em todo caso, é muito importante que você consiga realizar os primeiros socorros do seu pet o mais rápido possível e, principalmente, que em seguida ele seja levado a um médico veterinário de sua confiança.


Fonte: Novva Comunicação.

​​​Mundo Animal Rio Preto ​© 2018 

Desenvolvido         Novva Comunicação

  • Whatsapp-Monpla (1)
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon