Pet engasgado – o que fazer?




Fuçar aqui, xeretar acolá, morder, pegar com a boca e sair correndo: com certeza isso já aconteceu com o seu pet. Mas, além desse jeitinho fofo, os cães tendem a ser bastante curiosos e atrevidos, muitas vezes colocando o nariz e a boca onde não devem. Esse comportamento pode acabar rendendo algo bastante perigoso: os engasgos.


Brinquedos, gravetos, ossos e até mesmo ração podem ser fatores que levem seu doguinho a se engasgar. Se isso acontecer, você deve manter a calma e seguir alguns passos simples para ajudá-lo.





Leia no texto abaixo o que fazer quando o seu amigo de quatro patas se engasgar:


• Primeiramente, observe se o cão consegue vomitar sozinho. Se ele conseguir expelir, é melhor. Por isso, aguarde um ou dois minutos para ver se ele voltará a respirar bem.


• Se ele não melhorar em alguns minutos, tente olhar dentro da boca para saber o que está causando o engasgo. Para isso, abra a boca dele, apertando delicadamente na articulação da mandíbula, mova a língua para o lado e tente localizar o corpo estranho.


• Se você conseguir enxergar o objeto, poderá até tentar retirá-lo. Caso contrário, não tente “buscar”, para evitar que ele seja ainda mais empurrado para o fundo. Isso pode piorar a situação, causando obstrução total e asfixia.


• Contudo, se o cachorro começar a ficar roxo e angustiado ou o objeto oferecer perigo extra, como ossos ou linhas, corra com ele para o veterinário.

​​​Mundo Animal Rio Preto ​© 2018 

Desenvolvido         Novva Comunicação

  • Whatsapp-Monpla (1)
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon