Animais de estimação e crianças: uma relação de muitos benefícios


Os benefícios de ter um animal de estimação em casa são inúmeros. Cachorros, gatos, coelhos, tartarugas e até passarinhos animam o lar e geram um vínculo afetivo com os membros da família. E essa regra não é diferente para os pequenos. Criar um PET junto com um filho pequeno pode trazer muitas vantagens para o desenvolvimento da criança.


De acordo com pesquisas feitas na Universidade de Melbourne na Austrália, crianças que crescem com animais de estimação tem menos propensão de desenvolverem alergias ou doenças respiratórias. A pesquisa indica que, pelo simples fato das crianças terem contato com pó da casinha do cachorro ou com os pelos de gato, o organismo cria uma certa resistência à vírus, que crianças que não tiveram animais domésticos não possuem.


Ainda tratando do assunto de saúde, há teorias que apontam que os PET’s podem ser grandes aliados nos tratamentos terapêuticos de algumas doenças, como a depressão e a ansiedade. Além, claro, de serem recomendados para crianças com dificuldades de socialização, deficiências físicas, portadores de Síndrome de Down e autistas. Dois a zero, quando o assunto é saúde, hein?


Outro benefício para as crianças que possuem animais de estimação é a possibilidade de desenvolverem responsabilidade desde cedo. Para isso, os pais precisam delegar algumas funções de cuidado do animalzinho para os filhos. Como alimentar e hidratar o PET, passear para os bichinhos fazerem as necessidades, colher as fezes do quintal, cuidar deles quando estão doentinhos e muitas outras funções, que variam de acordo com a idade da criança.


Viu só? Os pontos positivos de criar um PET e uma criança juntos são diversos. Eles podem se tornar melhores amigos e, claro, deixar a casa com um ambiente muito mais feliz e animado.

​​​Mundo Animal Rio Preto ​© 2018 

Desenvolvido         Novva Comunicação

  • Whatsapp-Monpla (1)
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon